Cookies nos ajudam a fornecer o nosso serviço. Ao usar esse site, você concorda com o uso de cookies. Nós não armazenamos nenhuma informação pessoal. Saiba mais.

Imprensa / Histórias de aplicações de produtos / Dental Morelli: Milhões de bráquetes por mês, com soluções Atlas Copco

Dental Morelli: Milhões de bráquetes por mês, com soluções Atlas Copco

2012-06-12

A Dental Morelli atua em peças para Ortodontia e Ortopedia funcional desde 1980. Está localizada na cidade de Sorocaba-SP, numa área de 20.000m², com cerca de 850 funcionários e atuação em mais de 42 países.

AC Brazil -  Sorocaba, SP  (Brazil) - Fábrica Dental Morelli
As soluções da Atlas Copco estão presentes em vários processos de fabricação de suas peças.
Para alimentar as ferramentas pneumáticas da linha de produção, a empresa utiliza dois compressores GA30 e um GA15, desde 2003.
Segundo Fábio Simões, Coordenador de Engenharia de Processos, nestes quase 10 anos de utilização, os equipamentos nunca apresentaram qualquer tipo de falha, com destaque para a manutenção preventiva de alta qualidade proporcionada pela equipe de pós-venda da Atlas Copco.
Este, aliás, foi um dos motivos para a recente nova aquisição da empresa: um Gerador de Nitrogênio da Atlas Copco alimentado por um compressor de ar 100% isento de óleo CLASSE ZERO, da família ZT.
“O gerador de nitrogênio é um equipamento muito sensível e ao mesmo tempo essencial para nosso processo produtivo. Precisamos ter uma geração própria confiável, pois o alto volume de produção não viabiliza a compra do gás de terceiros mas viabiliza a utilização do gerador de nitrogênio. Por isso a confiabilidade do suporte pós-venda da Atlas Copco pesou bastante na hora da escolha.” – afirma Fábio.
No processo de fabricação de bráquetes, o nitrogênio é utilizado na sinterização e tratamento térmico das peças de aço inox. Uma das vantagens do uso de nitrogênio em relação a outros gases, está no custo nominal por unidade de volume de atmosfera produzida, que é mais baixo que para a maioria das outras atmosferas protetivas. Ao mesmo tempo em que resfria o metal após seu tratamento no forno, ele proporciona uma atmosfera inerte, onde a característica de pureza de 99,999% do gerador de nitrogênio (leia mais) é fundamental. Por esse motivo, o uso do nitrogênio para processos de tratamento térmico tem crescido em vários segmentos da indústria e processos produtivos.
“Qualquer contaminação do aço comprometeria a performance do produto, como por exemplo, torná-lo suscetível à oxidação. Neste sentido, estamos muito satisfeitos com a qualidade proporcionada pelo sistema da Atlas Copco. Foi um investimento com retorno palpável.” – completa Fábio.


Ausência de contaminação

No que se refere à ausência de contaminação, tão importante quanto o gerador de nitrogênio, é o compressor de ar que o alimenta, 100% isento de óleo.
O ar comprimido contaminado poderá causar:
- Mau funcionamento ou até mesmo danos no gerador de nitrogênio;
- Corrosão em tubulações e reservatórios de ar comprimido;
- Contaminação do processo industrial;
E conseqüentemente:
- Redução da produtividade;
- Aumento dos custos de produção e manutenção.
O compressor de ar 100% isento de óleo da Atlas Copco garante o nível zero de contaminação por óleo através da certificação TÜV para CLASSE ZERO. Esta classe nasceu à partir da norma ISO 8573-1 de 1991, relativa à tecnologia de ar comprimido, que foi revisada em 2001 para ir ao encontro das necessidades de aplicações críticas em que a pureza do ar é essencial.