Cookies nos ajudam a fornecer o nosso serviço. Ao usar esse site, você concorda com o uso de cookies. Nós não armazenamos nenhuma informação pessoal. Saiba mais.

Imprensa / Histórias de aplicações de produtos / Mineração Caraíba e Atlas Copco: novas tecnologias de perfuração valem ouro

Mineração Caraíba e Atlas Copco: novas tecnologias de perfuração valem ouro

2013-04-02

A Mineração Caraíba S/A teve origem no Vale do Curaçá, no município de Jaguarari, na Bahia, e é responsável por gerar aproximadamente 1.200 empregos diretos na região do semiárido nordestino. Inicialmente estatal, foi privatizada em 1994 e atualmente é referência em mineração subterrânea, com uma produção anual de 25 mil toneladas de cobre contido e 4.500 toneladas de catodo de cobre.

Atlas Copco Brasil - Mineração Caraíba
Nos últimos anos, a empresa expandiu sua atuação em diversos projetos espalhados pelo norte e nordeste do Brasil. Iniciado em 2002, no município de Nova Xavantina, no Mato Grosso, a Mina de Ouro do Araés é destaque pela produtividade obtida através de tecnologias inovadoras.      
“Investimos em perfuradores Atlas Copco frontais (Jumbo Boomer 282) para os avanços de desenvolvimento e lavra, fazendo as perfurações para as detonações e também perfuradores  radiais (modelo Simba H1253) para contenções com cabos e injeção de calda de cimento”, informa Sidney Fraguas Junior, gerente geral da Mina em Nova Xavantina.
Segundo ele, todos os equipamentos de mineração da Atlas Copco têm em comum os seguintes fatores que aumentam a produtividade:
  • São versáteis e fáceis de manobrar, permitindo operação em uma gama maior de situações e se movimentando mais rapidamente que equipamentos convencionais. 
  • Consomem pouco combustível, o que fica visível quando comparados com similares utilizados em outras minas.
  • Requerem menor manutenção, devido a um projeto mais robusto.
“Nos últimos seis meses, o índice de disponibilidade da frota, calculado através do quociente entre horas programadas no plano de produção e horas não programadas, têm sido de 88%, bem acima dos 70% históricos, estipulados como meta” – comenta o gerente. 

Aumento da produtividade

Atlas Copco Brasil - Mineração Caraíba

A alta disponibilidade dos equipamentos é garantida através do programa de manutenção preventiva, com profissionais especializados da Atlas Copco


O aumento de produtividade também tem sido observado com o uso de rompedores Atlas Copco modelo Escaler e sondas modelo Diamec 232. “São equipamentos robustos, com longa durabilidade e ao mesmo tempo são fáceis de transportar e instalar. Se gasta menos tempo e mão de obra com sua operação e manutenção” – completa Sidney.
Outro fator chave para garantir níveis de produtividade estáveis e confiáveis são os contratos de serviços de mineração que a Mineração Caraíba possui com a Atlas Copco, aproveitando suas décadas de experiência em nível mundial na manutenção de equipamentos subterrâneos e de perfuração. 
 
 “Os equipamentos subterrâneos estão sujeitos a uma grande carga de desgaste e a disponibilidade deles é essencial para a produtividade. Por isso, além de investir nos equipamentos, decidimos contratar também sua manutenção de modo programado. Esses contratos incluem também protocolos de inspeção detalhados, mão de obra altamente especializada e garantias estendidas, o que maximiza a disponibilidade e a produtividade. Desse modo, temos mais tempo para focar em nosso negócio, sem precisar nos preocupar com surpresas desagradáveis com relação ao tempo de inatividade não programado e custos inesperados” – explica o gestor da mina.
Nos processos que exigem ar comprimido, a mina utiliza quatro compressores da Atlas Copco – modelos GA 160, GA 30+ FF, GA 110 e GX4 FF. Aqui, a contribuição para a produtividade está na economia de energia. A tecnologia VSD (Variable Speed Drive) desses compressores de ar, também conhecida por “acionamento de velocidade variável”, faz com que o consumo de energia seja reduzido e acompanhe o volume de demanda do ar comprimido que, numa operação de mineração, varia bastante.
Satisfeito com o que a Atlas Copco fornece, o gerente da Mineração Caraíba em Nova Xavantina confirma que a parceria seguirá crescendo. “Estamos apenas começando nossa produção, num projeto com vida útil de mais de 12 anos. Buscaremos sempre soluções que aumentem a produtividade e que também tragam o mínimo impacto ambiental, emitindo menos gases e racionalizando o consumo de óleo diesel e energia elétrica”.

Para obter mais informações, entre em contato com:
  • Gabriela Meira, Coordenadora de Marketing e Comunicação, Mining and Rock Excavation Technique +11 3478 8200

A Atlas Copco é um grupo industrial que lidera o mercado mundial de compressores, expansores, sistemas de tratamento de ar, equipamentos de construção e mineração, ferramentas elétricas e sistemas de montagem. Com produtos e serviços inovadores, a Atlas Copco oferece soluções para uma produtividade sustentável. A empresa foi fundada em 1873, com sede em Estocolmo, na Suécia, e é uma empresa global presente em mais de 170 países. Em 2012, a Atlas Copco tinha 39.800 funcionários e receita de BSEK 90,5 (BEUR 10,5).

A área de negócios Mining and Rock Excavation Technique da Atlas Copco desenvolve, fabrica e comercializa equipamentos para perfuração e escavação de rocha, uma completa linha de consumíveis e serviços através de uma rede global. A área de negócios inova para uma produtividade sustentável em operações de superfície e subterrâneas, de infraestrutura, obras civis, perfuração de poços e aplicações em geotecnia. Os principais centros de desenvolvimento e de produção estão localizados na Suécia, Estados Unidos, Canadá, China e Índia.