Cookies nos ajudam a fornecer o nosso serviço. Ao usar esse site, você concorda com o uso de cookies. Nós não armazenamos nenhuma informação pessoal. Saiba mais.

Imprensa / Histórias de aplicações de produtos / Compressores centrífugos Atlas Copco fornecem ar de alta pressão a Tanques de sedimentação profundos

Compressores centrífugos Atlas Copco fornecem ar de alta pressão a Tanques de sedimentação profundos

2014-06-24

Wilrijk, Bélgica, Junho de 2014. A unidade de tratamento de esgoto em Putzhagen, Alemanha, requer, excepcionalmente, grandes quantidades de ar comprimido de alta pressão para seus tanques de sedimentação profundos. Três compressores centrífugos VSD ZB 130 e dois compressores de parafusos de estágio único mais antigos fornecem o ar comprimido para o processo biológico que ocorre no tanque.

Compressores centrífugos VSD ZB 130
Anualmente, a unidade trata uma média entre 6,5 e 7 milhões de metros cúbicos de água de esgoto. "O processo biológico ocorre em oito tanques que são subdivididos em quatro linhas," explica Reinhard Schweinforth, Técnico em água de esgoto. Os tanques têm 10 m de altura com uma profundidade de água de 8,5 m. "Essas dimensões são raras para unidades de tratamento de esgoto," afirma Schweinforth. Os tanques normalmente têm entre 4 e 5 metros de profundidade. Os processos de limpeza biológicos são realizados em oito tanques de aeração. O ar necessário neste procedimento é soprado nos tanques por baixo, por meio dos aeradores de tubo de diafragma — um processo intensivo de energia, responsável por 40% de todo consumo de energia da unidade. 

Tratamento de águas residuais de Guetersloh, Alemanha
Um investimento em eficiência energética e fácil manutenção
O ar comprimido necessário para o processo biológico era provido anteriormente por cinco compressores de parafusos de estágio único. Como esses compressores antigos precisavam ser completamente revisados, envolvendo grandes custos, iniciou-se a procura por uma nova solução com melhor consumo de energia. Os compressores centrífugos com rolamentos magnéticos foram considerados a melhor opção, devido à alta pressão, de maneira comparativa, necessária para a grande profundidade dos tanques. "Nós conseguimos produzir pressões mais altas com os compressores centrífugos do que conseguíamos no passado com os compressores de parafusos," explica Schweinforth. "Nós adquirimos os novos compressores com o objetivo de que as máquinas agora serão mais eficientes energeticamente e mais fáceis de manter," afirma o gerente da unidade, Karl-Heinz Schröder. "Agora, que estamos usando os compressores centrífugos da Atlas Copco, estamos economizando cerca de 15.000 euros anualmente em manutenção, energia e recursos, quando comparado com os compressores de parafusos."

Ar comprimido sem óleo, conforme necessário
Os três compressores centrífugos de velocidade regulada geram entre 2.500 e 7.500 Nm³ de ar comprimido sem óleo por hora, dependendo da quantidade de água de esgoto e da carga de poluição. A interação é projetada pelo sistema de controle mestre ES 130 da Atlas Copco. O sistema de controle do processo determina a exigência de ar com base no conteúdo de oxigênio nos tanques. "No momento, ainda estamos utilizando um regulador de pressão constante," afirma Schröder. "Nossa próxima meta é aperfeiçoar este processo regulador e integrar um regulador de pressão variável. Até agora, temos desperdiçado uma grande quantidade de energia, pois estamos operando contra válvulas de passagem fechada a uma pressão constante de 1.020 milibar. Com um regulador de pressão variável, todas as oito válvulas de passagem são interligadas e a pressão pode ser ajustada em linha com a demanda, permitindo, assim, reduzir a pressão usada."

Para obter mais informações, entre em contato com:


A Atlas Copco é líder mundial no fornecimento de soluções de produção sustentáveis. O Grupo proporciona a clientes compressores inovadores, soluções de vácuo, sistemas de tratamento de ar, equipamentos para construção e mineração, ferramentas elétricas e sistemas de montagem. A Atlas Copco desenvolve produtos e serviços voltados para produtividade, eficiência energética, segurança e ergonomia. Fundada em 1873, está sediada em Estocolmo, Suécia, e possui um alcance global que abrange mais de 180 países. Em 2013, a Atlas Copco faturou 84 bilhões de coroas suecas (9,7 bilhões de euros) e possuía mais de 40.000 funcionários.

A área de negócios da Compressor Technique da Atlas Copco fornece compressores industriais, soluções de vácuo, compressores e expansores para gás e processos, equipamentos para tratamento de ar e gás e sistemas de gerenciamento de ar. A área de negócios possui uma rede de serviços globais e inova em produtividade sustentável nas indústrias de fabricação, petróleo e gás e processos. As principais unidades de desenvolvimento e fabricação de produtos estão localizadas na Bélgica, Alemanha, Estados Unidos, China e Índia.